Liberte-se através da Constelação Familiar

“Uma única Vivência de Constelação em grupo equivale a muitos anos de terapia ”. Constelação Familiar, técnica criada por Bert Hellinger (psicoterapeuta alemão), onde se cria “esculturas vivas” reconstruindo a árvore genealógica, o que permite localizar e remover bloqueios do fluxo amoroso de qualquer geração ou membro da família. Muitas das dificuldades pessoais, assim como […]

Leia Mais

Carta de Bert Hellinger à sua mãe

“Querida Mãe,você é uma mulher comum, assim como milhares de outras mulheres. Amo você assim, como mulher comum. Como mulher comum você encontrou o meu pai. Ele também é comum. Vocês se amaram e decidiram passar a vida inteira juntos. Casaram-se, isto também é comum, e se amaram como homem e mulher, profundamente. Fui gerado através […]

Leia Mais

Carta de Bert Hellinger ao Pai

Em homenagem aos pais, compartilho a carta de Bert Hellinger ao seu pai. Bert com a Constelação Familiar nos mostra o quanto deveríamos estar conscientes do amor que cada qual tem para nos doar e, a necessidade humilde em receber. Bert Hellinger mesmo sendo o criador da Constelação Familiar, ainda reconheceu a necessidade da aproximação […]

Leia Mais

Bert Hellinger – Constelação Familiar e seus benefícios

  Quando se vivencia a possibilidade de o próprio sistema familiar manifestar o caminho para que o amor volte a fluir, sem fazer compensações, tem-se a chance de incluir aqueles que nos dão força. Portanto, todos os que participam de uma dinâmica da Constelação familiar, como o constelado, o constelador, os participantes e os que […]

Leia Mais

A Homossexualidade na visão de Bert Hellinger

Na maioria dos casos a homossexualidade se origina de um emaranhado sistêmico e não de uma pré-disposição genética. Alguma pessoa da família precisa representar uma mulher porque não existe nenhuma mulher à disposição. Então há uma falta de orientação sexual. É por isso que o homossexual costuma demorar a se identificar até perante ele mesmo. […]

Leia Mais

Amor na Maturidade

Surge, então, uma perspectiva madura, sábia, ondulada do amor. A maioria dos estudos reconhece que o índice de felicidade é maior em pessoas de cinquenta e cinco anos em diante, se tiverem saúde. A que se deve isso? A uma mudança de atitude, mais que a uma mudança das circunstâncias. E isso impacta no âmbito do […]

Leia Mais